Ian Dury

Era eu miúdo, aparentemente em 1981, recordo bem ficar impressionado com a notícia do concerto de Ian Dury em Portugal. Um vocalista com claras dificuldades físicas, mas que era uma estrela do Rock & Roll. A cantar, meio torcido, que lhe batessem.

"Hit me with your rythm stick" (1978)

Ou mais ou menos isso... à data o meu Inglês de Preparatório só entendia o "hit me", não chegava para as outras insinuações, sobre "rythm sticks" (paus rítmicos...) Certo é que a música era marcante, e certo é que Ian Dury - intencionalmente - ajudou-me a aprender que pessoas com deficiencia são, antes do mais, pessoas. Pessoas, só isso. Para o melhor e o pior. Incluindo para o estilo de vida clássico de sexo, drogas e rock & roll.

https://youtu.be/0WGVgfjnLqc

"Sex And Drugs And Rock And Roll" (1977)

Aposto que muitos que pensam nunca ter ouvido falar de Ian Dury, afinal conhecem o hino à vida de Sex And Drugs And Rock And Roll.

https://youtu.be/2TBSqS4yMrM

"Spasticus Autisticus" (1981)

Não segui a sua carreira, até porque ela se eclipsou um tanto antes de eu crescer muito. Só recentemente conheci o êxito algo polémico em que enfrenta desassombradamente as suas dificuldades físicas, recusando ser um coitadinho, editado em 1981, como resposta ao Ano Internacional das Pessoas Deficientes (sic). "Spasticus Autisticus", título em pseudo-Latim Científico, qual nome de doença, a lembrar espasmos e autismo. Entre declarações de ser "spasticus autisticus", atira que "Olá a vós na Terra Normal / Não conseguirão compreender o meu conto".

https://youtu.be/6isXNVdguI8

"Spasticus Autisticus" (2012, abertura do Jogos Paralímpicos, Londres)

À data a canção chegou a ser afastada da rádio pela BBC, mas em 2012 esta foi um das canções da cerimónia de abertura dos Jogos Paralímpicos de Londres. Com introdução de Stephen Hawkins, a referir colisões de partículas e o bosão de Higgs, a música serve para salientar outras colisões, de idéias.

https://youtu.be/RI9AI6VAimY

Referências e ligações